Seguidores

segunda-feira, 27 de agosto de 2012

...

...

Queria hoje ter nas mãos
Um pedacinho de azul
Caído de qualquer lugar
Só pra eu olhar...
Talvez eu visse um pássaro
Talvez uma borboleta
Mesmo que não estivessem lá
Talvez eu visse poesia
Com esses meus olhos
Eu não sei...
Só queria testar meu olhar...

regina ragazzi

8 comentários:

  1. Lindo....
    Um ótimo dia!
    abraço,
    Mariangela

    ResponderExcluir
  2. Limerique

    Poeta alumbrada e muito "cool"
    Procura um pedaço de céu azul
    Abro minha janela
    De cara, lembro dela
    Vejo cerúleo profundo aqui no sul.

    ResponderExcluir
  3. Existem momentos assim, que no fundo são importantes, por nos ensinar a olhar.Parabéns.

    ResponderExcluir
  4. O seu olhar só mostra o que é belo, pois a sua inspiração, assim o demonstra.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Um vento, um pouco de silêncio e um azul pra contemplar!

    ResponderExcluir
  6. Com estes olhos podes ver o infinito, beijo Lisette.

    ResponderExcluir
  7. Um pedaço de azul
    tirado do teu desejo
    viraram versos no olhar
    neste poema azulado
    apenas um olhar despedaçado
    de um azul desejado.

    Luiz Alfredo - poeta

    ResponderExcluir
  8. A vida ás vêzes é tão pesada que precisamos enxergar o azul do céu, mesmo ele não estando lá.Bonita poesia simples e cativante. Beijos Regina.,

    ResponderExcluir

Obrigada por ter vindo. Deixe seu comentário. Bj carinhoso