Seguidores

segunda-feira, 8 de abril de 2013

Pássaro fujão

Pássaro fujão
Eu canto
tu cantas
ele não cantou...

regina ragazzi

(Eu juro que tô feliz)

5 comentários:

  1. Limerique

    Ave agora liberta da gaiola
    Para seu algoz não dá mais bola
    Pássaro fujão não cantou
    Para quem o engaiolou
    Sua vida agora está pachola.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Algoz poeta!!?? sniff..sniff.sniff... rsrs

      Excluir
  2. Limerique

    Ouça esse canto cheio de emoção
    De notas suaves que pelos ares vão
    Será de ave prisioneira?
    Cantando de mágoa certeira?
    Não, apenas canto de pássaro fujão.

    ResponderExcluir
  3. Um é o canto da gaiola
    outro do céu azul
    da imensidão
    silêncio é o canto
    da gaiola aberta
    o canto dos olhos
    furados
    do voar enclausurado
    não faz bem ao coração
    sempre é bom um verso
    que fala da liberdade...

    Luiz Alfredo - poeta

    ResponderExcluir

Obrigada por ter vindo. Deixe seu comentário. Bj carinhoso